• Calendário

    dezembro 2009
    S T Q Q S S D
        jan »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    28293031  

Nostalgia Bêbada de uma Bêbada Inveterada

Nostalgia. Nostalgia de tanto tempo. Já há tanto tempo passado. Já há tanto passado neste tempo pra se sentir. Sentir falta. E sentir falta boba e insensata de tanta besteira, de tanta sujeira, de tanta maldade e dor. De tanta dor. E sente. Sente mesmo assim. Conheces o caminho da saudade. Da saudade como berço. Como travesseiro. Como conforto sujo mas conhecido. Como bailarina que repete o mesmo número, a mesma dança. Como bailarina amada que nem mais dança. Que nem mais veste a sapatilha mas que desfila o mesmo bailado na sua frente. E ela desfila sem saber o mesmo bailado que foi sempre dor. O bailado que ela lambe da palma da mão. O bailado que ela conhece ancestral. Que ela sabe e que ela sente. E ela roda, roda. A roda torta. A roda desfigurada. A roda que ela conhece de cor, a roda que ela te amiga. A roda do vício, do caminho e a roda do descaminho. Ela sabe que dança. Dança sempre a roda do descaminho que sente seu.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: